Não começou ontem, não vai terminar com as eleições

  por Imprensa Marginal | Publicado em noticiasanarquistas.noblogs.org Nos últimos dias, Mestre Moa morreu após levar DOZE facadas em uma discussão com um eleitor de Bostonazi. Uma garota foi torturada pela polícia após ser pega escrevendo #elenão no muro perto de sua casa. Outra garota que andava na rua com uma camiseta escrito #elenão foi agredida e teve Ler máis …

Fazendo inventário

Reflexões sobre a probabilidade incerta de uma revolução européia. por Miquel Amorós | Traduçom Agência de notícias anarquistas No que diz respeito ao passado, a coisa mais importante é estar consciente da especificidade do nosso tempo, tomando cuidado para não projetar, na medida em que isso é possível, a nossa visão atual das coisas sobre um passado Ler máis …

O que está ameaçado é o seu velho mundo que arde

Autor: Borroka garaia da! Era agosto do 2016. Os filhos e filhas de grande parte dos parlamentarios navarros estavam de férias, tostándose ao sol ou fazendo cursos de inglês na Irlanda. Enquanto, dezenas de jovens humildes, filhos e filhas da classe trabalhadora dormindo nas ruas de Iruñea. E nom é porque fossem sanfermines, que já Ler máis …

Ilusom de movimento em torno dos filmes «Soledad» e «El camino de Santiago»

Reproduzimos este texto publicado no boletim «La Oveja negra» sobre os filmes que terem estreia próximamente sobre as vidas de Soledad Rosas, Baleno e Santiago Maldonado. Companheiros assasinados polo estado. A um par de quilómetros do território rebelde de Cushamen onde mataram a Santiago está o museu Leleque, pertencente à estadia Bennetton e dedicado às Ler máis …

As 1.014 pessoas que denunciarom torturas em 2017 e os motivos para ser pessimistas respeito de 2018

Artigo de todoporhacer.org A princípios do mês passado Pedro Sánchez anunciou quem conformaria o seu novo governo.«chegou a guapocrácia», bromeavam algumas pessoas em Twitter. À esperada recompensa a quem forom fiéis ao seu líder (José Luis Ábalos, Margarita Carvalhos) unia-se-lhe algumha surpresa (Pedro Duque, Josep Borrell) e algum que outro sorpresóm (Màxim Huerta, que sempre Ler máis …

Feminismo antipunitivo: Eliminando a maçá podre nom salvamos todo o cesto

ou por que o cárcere de alguns nom é a liberdade de todas nós A violência que vivemos cada dia pode ser direta, mas o é também simbólica e estrutural. A violência institucional e o seu cometido fai-se evidente com casos recentes como o mediático caso da Manada. Apesar de denunciar a inclinaçom androcéntrica, e Ler máis …

Stop represión aos centros sociais, criminalización da okupación e resistencia.

Comunicado do CSO A Insumisa: O pasado martes 20 de xuño un compañeiro solidario co Centro Social Okupado da Insumisa en Coruña, foi levado preso (prisión preventiva) ao cárcere de Teixeiro por ser presunto culpable de delictos de atentado á autoridade e sedición. É a primeira vez que un mozo ingresa en prisión preventiva en Galiza Ler máis …

[Argentina] Reflexons sobre o conflito em Cushamen e a morte de Santiago Maldonado

«O voltado nom vai ser em caramelos» Facundo Jones Huala Breve história. Podemos situar em qualquer momento da história nesta regiom, faz 100, 200, 500 anos, e seguramente teríamos dados da resistência de parte do povo mapuche. Em frente à invasom do capitalismo espanhol, quiçá antes, contra a expansom do império Inca. Luitando em frente Ler máis …

[Compostela] Comunicado da concentración pola okupación do pasado venres

Difundimos o comunicado da jornada pola okupación organizada por unhas solidarias que tivo lugar en Compostela o pasado venres.  A semana pasada desaloxaban ilegal e violentamente o CSOA A Insumisa, na Coruña. Un proxecto autoxestionado, autónomo, colectivo e aberto que dinamizaba unha axenda política, social e cultural baixo uns mínimos horizontais e antiautoritarios. A Marea Ler máis …